Ads Top

10 dicas para manter os pés saudáveis neste inverno


Principalmente no inverno, os pés merecem atenção especial 

Com a chegada do inverno, é hora de deixar as sandálias e chinelos guardados e tirar do armário as botas e sapatos fechados. Nas mudanças de estação, alguns cuidados devem ser observados, tanto com os pés quanto com os calçados. No inverno, por exemplo, os pés merecem atenção e cuidados especiais, pois ficam mais suscetíveis às patologias desta estação.

"Cuidar dos pés é sinônimo de preocupação com a saúde e bem estar físico. Depois de um bom tempo com os pés acostumados à folga proporcionada pelos calçados abertos, é no inverno que os germes aparecem, comprometendo a saúde. Por isso cuidar dos pés, em qualquer estação do ano é sempre importante", diz Verônica Nagy, coordenadora técnica de calçados da BINNE Comfort.

Além de cuidar da boa saúde dos pés, a escolha do calçado também é igualmente importante. "Um bom calçado faz toda a diferença e para isso devemos ter alguns cuidados na hora da compra. Como no inverno os sapatos fechados são mais usados, devemos prestar atenção e sempre optar pelo conforto. Sapatos muito fechados fazem com que os pés transpirem mais, favorecendo o aparecimento de micoses, por exemplo."

Para ter pés saudáveis e sem complicações não só no inverno, mas em qualquer época do ano, Verônica dá algumas dicas:

• dê preferência para meias de boa qualidade, que permitam que os pés respirem;
• nem um pouco largo, nem um pouco apertado: é preciso que o sapato esteja confortável;
• observe se o sapato se adapta aos dedos - que devem ficar livres dentro do sapato - e ao calcanhar. Ande um pouco com os calçados novos pela loja para sentir como se adaptam aos pés;
• seque e areje seus calçados após o uso, deixando-os por pelo menos duas horas em local aberto e ventilado. Não tente secá-los em fornos ou atrás da geladeira, isso estraga os calçados e resseca o material;
• opte por calçados confortáveis, feitos com couro natural e forrados;
• calçados com solas macias e absorventes podem ser mais confortáveis, principalmente se a atividade profissional o obriga o usuário a ficar muitas horas em pé;
• hidrate os pés com um creme específico para a região;
• ao usar saltos, o ideal é optar por plataformas e bicos mais largos, para amenizar os problemas recorrentes do seu uso;
• para pessoas com lesões neuropáticas (diabetes, hanseníase) não é aconselhável o hábito de andar descalço;
• se perceber qualquer alteração nos pés, ou se eles apresentarem dores constantes, procure seu médico.
Tecnologia do Blogger.