Ads Top

Ánalise : Cher Lloyd – Stick and Stones

Bom, a Cher está começando a ficar mais conhecida agora, e eu como admiro ela, decidi fazer uma análise das faixas do seu álbum de estreia que foi lançado já a um tempo, em 7 de Novembro de 2011.Pra quem não lembra ou não sabe, ela tem 19 anos e ficou conhecida depois de participar do X-Factor. Apesar de ter perdido o programa, graças ao seu estilo diferente de se vestir e cantar, chamou a atenção do Will.I.Am (do Black Eyed Peas) que a apadrinhou e apoiou sua carreira.


Grow Up feat. Busta Rhymes: Nota 7/10
Cher fez bem em abrir o disco com “Grow Up”, com participação do rapper mais rápido no gatilho Busta Rhymes.Ela aposta bastante em seu rap, algo que na minha opinião vai muita bem com o estilo dela. A música basicamente fala para curtir a vida, não dar a miníma para o que acham de você e ser bem irresponsável.

Want U Back: Nota 10/10
Já namorou um garoto que depois ficou fazendo exatamente tudo que fazia com você com a atual? E deu vontade de ter tudo de volta? Bom, Want U Back tem tudo haver com você! Cher fica irritada, em ambos seus 2 vídeos clipes,em quais ela arruma confusão e bagunça tudo e dá pra perceber também com os 'Urrrg'. Esse é o terceiro single do álbum, primeiro nos EUA, aonde está fazendo muito sucesso.
Vídeo Clipe 2 (US VERSION)

With Ur Love feat. Mike Posner: Nota 8/10
A música é a mistura do Pop com Hip-hip mais light. A letra é meio que a explicação do amor dela por um garoto, ela fala exatamente o que sente. Gosto muito do Mike Posner, mais achei super desnecessário a participação dele nessa música. Lembrando que a música foi o 2º single do álbum.
Vídeo Clipe

Swagger Jagger: Nota 5/10
A música foi muito criticada, tanto que rendeu muitos haters para a Cher Lloyd. Creio que sendo o primeiro single de seu álbum de estreia rendeu uma imagem ruim para ele. Ela é eletro-pop com letra muito repetitiva e sem nexo, Cher quer meio que passar na cara da sociedade que tem estilo e que todos deveriam ter também.
Vídeo Clipe

Beautiful People feat. Carolina Liar: Nota 8/10
Bom, essa música originalmente é da banda Carolina Liar, na qual eu pensava que o vocalista era uma cantora. Cher regravou com a a participação deles, e tem uma composição boa e sonoridade boa também, é a balada do álbum. A letra é meia confusa, ela/eles elogiam o tempo todo o amor de sua vida, e depois meio que criticam.

Playa Boi: Nota 5/10
Ela é um dubstep com hip-hop.É aquelas faixam que ficam pra complementar o álbum, é até boa, mais a letra uma decepção.

Superhero: Nota 10/10
A faixa que pra mim é a mais original do álbum, a mais doce,a mais Cher Lloyd! O (ex) namorado dela, quer que ela seja tão perfeita quanto um Super-heroi (oi?) , e com toda a sua atitude Cher se diz cansada. Ela novamente da uma de rapper, faz a música ficar complexa de acordo com ela.

Over The Moon: Nota 7/10
Não é que nessa música super pop ela vem com seu rapper? Eu gosto, não é aquelas para se tornar single, e nem para ser a esquecida do álbum, serve pra single promocional vamos dizer. Ela fala sobre estar sobre a Lua, que diz que é um lugar que se sente bem , e que faz livremente suas coisas, acho que esse lugar é sua casa.

Dub On The Track feat. Mic Righteous, Dot Rotten & Ghetts: Nota 6/10
Single promocional do álbum, acho que não merecia ser. Exatamente na faixa que ela diz que não põe dub na música, é a que é dubstep, Cher é irônica e bem fora de si, no clipe e na letra da música. Ela me lembra muito Sleazy da Ke$ha, qual tem participações de 4 rappers, algo que eu acho desnecessário. 
Vídeo Clipe

End Up Here: Nota 9/10
A faixa em que Cher manda bem com um estilo diferente dos seus singles, R&B. Ela simplesmente segue todos os conselhos que a dão sobre relacionamento. Não cai no jogo barato de voltar do ex, e quer apenas, mesmo triste, seguir em frente.





Tecnologia do Blogger.