Ads Top

Análise: Ora - Rita Ora

Galera, no próximo dia 27 a Rita Ora lança seu primeiro álbum de estúdio, o Ora, e o Gleep já ouviu e vai analisar pra vocês! Com vocês, ORA!
   Facemelt - Melhor começo de álbum, impossível! Facemelt tem uma letra nada especial, mas uma batida e uma vibe IMPRESSIONANTE! O ruim é que dura só 1:30 (Rita Ora NECESSITA conversar com Rihanna sobre músicas curtas e boas! Quem sabe não vemos a versão completa de Facemelt algum dia?)
   Roc The Life: LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LI-LIFE, isso resume essa música, que tem uma bateria atuante e uns elementos de guitarra um pouco presentes. Com refrão grudento e uma letra falando sobre a nova vida da Rita (a de superstar), Roc The Life VAI parar na sua cabeça!
   How We Do (Party) - Esse single mega conhecido já foi HIT de cara, e é uma das melhores do álbum! Define bem o estilo da Rita e fala o que ela veio fazer aqui! PARTY!
   R.I.P. (feat. Tinie Tempah) - O primeiro single britanico da Rita veio numa vibe mais Rapper e mais Dark, com um título sugestivo, a parceria com o Tinie Tempah tem como tem uma mudança (não uma morte (: ) e faz realmente a gente esquecer tudo, e só pensar na Rita! (isso ficou brega! kkk)
   Radioactive - Uma hora antes de começar a escrever esse análise, eu terminei de ouvir o álbum, e se tem uma música que está no repeat e na minha cabeça a UMA HORA, essa é Radioactive, uma música daquelas que quando você escuta no rádio, aumenta o som e começa a cantar. Uma ótima escolha pra próximo single americano, Radioactive tem elementos eletrônicos, mas não chega a ser o eletro-pop que estamos acostumados, e isso é MUITO bom!

  Shine Ya Light - A música mais calma até agora não é lenta! Shine a Light é a típica música que virará um single em breve e ganhará um clipe legal. Shine a Light tem tudo pra bombar nas rádios (assim como quase todo o álbum).
   Love And War (feat. J Cole) - Rita não quer mais brigar! Esse é o tema da próxima música, seguindo a linhagem calma de Shine Ya Light. Boa, mas não tem nada de especial!
   Uneasy - Primeira música do álbum que não daria um single de sucesso. Uneasy é boa, mas não tem nada de especial, é aquela que fica esquecida no álbum pros que gostam, os fans só escutam quando estão ouvindo todo o álbum e que os posers nem conhecem.
   Fall in Love (feat, Will.I.Am) - O eletro-pop aparece pela primeira vez no álbum (nenhuma novidade quando se trata de Will.I.Am), a novidade é que essa faixa começa lentinha e sem graça, e no refrão anima tudo e você começa a dançar. Fall in Love pode até ser single e fazer sucesso, mas não vai se destacar.



   Been Lying - A primeira balada do álbum fala sobre uma grande mentira, que a Rita se arrepende. Boa, e rende um single e um bom clipe.
  Hello, Hi, Goodbye - Outra balada, mas essa não me conquistou muito, talvez por ser muito lenta, não sei. A música não deixa de ser boa, mas não faz diferença.
  Hot Right Now (feat. DJ Fresh) - A música, na verdade não é da Rita, e sim do DJ Fresh, mas fez tanto sucesso que a Rita decidiu por no álbum. Eletro-pop so bom, essa foi uma das 3 que conseguiram um #1 no UK.
  Crazy Girl - A música parece que foi produzida pelo Diplo (apesar de ser um pouco lenta para ele), por ser um pouco louca. No refrão, vemos um piano, mas logo depois chegamos a uma batida bem "Crazy"
  Young, Single & Sexy - A música me conquistou de primeira! Apesar de não ser agitada e de que não tem cara de Hit, o violão, a batida e a voz da Rita se encaixam perfeitamente e formal a harmonia perfeita pra essa música incrível.
   Meet Ya - Também no violão, Meet Ya é mais agitada que Young, Single & Sexy e é nos apresentada numa forma acústica. Muito boa também.



AGORA VAMOS AO TOP 5:
5 - Facemelt (só não tá em 2º, porque é muito pequena)
4 - How We Do (Party)
3 - Shine Ya Light
2 - Young, Single & Sexy
1 - Radiactive

Não esqueçam que o Ora saí aqui no Brasil em Setembro! Valeu!
Tecnologia do Blogger.