O Corpo Ideal

Quem nunca desejou ter um corpinho ideal? Um corpo marcado por músculos, um corpo que chame atenção de todos? Pois bem leitores, vim aqui para tentar ajudar e esclarecer algumas coisas que se tornam IMPORTANTES para quem deseja ter um corpo perfeito.

Que tal mostrar um antes e depois de algumas pessoas que atingiram o corpo no qual nos façam chamar de "gostoso(a)"









Reconhecem essa pessoa? É a Juliana Salimeni antes da fama, era 
bem magrinha né? E atualmente ela está assim:











Sabrina Sato


Atualmente a belíssima está assim: 


Mas calma lá gente, nem tudo é um bicho de sete cabeças, para ter um corpo ideal basta se alimentar direito e tomar os tipos de suplementos ideias para vocês.

É sempre bom se alimentar 60 a 90 minutos antes do treino, mas tudo depende do comportamento do próprio organismo, tem pessoas que tem ótimos rendimentos se alimentando 30 minutos antes.
Essa refeição deverá conter uma quantidade adequada de carboidratos complexos e proteínas, além de ser reduzidas em fibras, frutose e gorduras.
Aqui vai uma dica de alimentação PRÉ e PÓS-TREINO
Pré-Treino: Nível iniciante:

• Pão branco com geléia de frutas, acompanhado de iogurte de frutas light e uma fruta;
• Extrato solúvel de soja light batido com uma fruta e aveia em flocos.

Nível intermediário: 

• Pão branco com queijo branco magro, acompanhado de iogurte de frutas light e uma fruta;
• Iogurte de frutas light com cereal sem açúcar e uma fruta.

Nível avançado: 

• Batata doce/mandioca cozida acompanhada de peito de frango; 
• Panqueca de aveia em flocos com claras de ovos e uma banana.

Exemplos de suplementação logo antes do treino 

Nível intermediário:

• Maltodextrina 
• Whey protein 

Nível avançado:

• Maltodextrina
• Whey protein
• BCAAs
• Glutamina 

Pós-Treino: Imediatamente após o treinamento, é interessante realizar uma refeição o quanto antes, para auxiliar no processo de recuperação e evitar o catabolismo. Essa prática promoverá melhor perfil hormonal anabólico, diminuição da degradação protéica miofibrilar e rápida ressíntese de glicogênio. A fim de garantir maior praticidade, o uso de suplementos, nesse caso, é bem interessante, pois além da dificuldade de transporte, observa-se em treinamentos mais intensos, o que é conhecido como anorexia pós-esforço, dificultando o processo alimentar. 

Exemplos de suplementação logo após o treino 

Nível intermediário:

• Maltodextrina 
• Dextrose 
• Whey protein 

Nível avançado:

• Maltodextrina
• Dextrose
• Whey protein
• BCAAs
• Glutamina
• Nutrientes antioxidantes 
• HMB

Eai, vamos treinar? 

0 comentários

Muito obrigado pelo seu comentário! Não deixe de curtir as nossas redes sociais para não perder nenhum conteúdo!!